Aos 17 anos todo mundo é poeta, junto com as espinhas da cara, todo mundo faz poesia. Homem, mulher, todo mundo têm seu caderninho lá dentro da gaveta, e têm os seus versinhos que depois ele joga fora ou guarda como mera curiosidade. Ser poeta aos 17 anos é fácil, eu quero ver alguém continuar acreditando em poesia aos 22 anos, aos 25 anos, aos 28 anos, aos 32 anos, aos 35 anos, aos 40 anos, eu estou com 41, aos 45 anos, aos 50, aos 60 anos, até você encontrar um poeta, por exemplo, como Drummond ou como o admirável Mário Quintana que são poetas que estão fazendo poesia há mais de 60 anos e há mais de 60 anos que a poesia é o assunto deles. Então eu acho que 90%, mais! 99% dos poetas que estão fazendo poesia hoje, daqui a dez anos eles vão estar fazendo outra coisa, porque vem a vida, vem os filhos, vem preocupações com dinheiro, vem as ambições do consumo, vem a necessidade de comprar isso, comprar aquilo, de adquirir uma casa na praia e tal, e tudo começa a se tornar mais importante do que a poesia. A poesia é uma espécie de heroísmo, você continuar ao longo dos anos acreditando nessa coisa inútil que é a pura beleza da linguagem, que é a poesia, é um heroísmo, é uma modalidade quase, às vezes eu gostaria de acreditar, de santidade. É uma espécie de santidade da linguagem. Porque a poesia não vai te fazer rico de jeito nenhum, é muito mais fácil você abrir uma banquinha e vender banana do que fazer poesia. Quer dizer, para você continuar acreditando em poesia é preciso muita santidade.

Paulo Leminski em "Ervilha da Fantasia" (via silenciar)

(Source : paulo-leminski, via silenciar)

sentido.

sentido.

(Source : cultivando-flores, via pvlvk)

A menina simplesmente passa.
E passa num tempo que só é tempo
porque ritmado.
Ainda que ritmo despedaçado.

A menina simplesmente passa.

E passa num tempo que só é tempo

porque ritmado.

Ainda que ritmo despedaçado.


(Source : hellanne)

Jellicle cats, come out tonight!

Jellicle cats, come out tonight!

(Source : bookmania)

expect sadness
like
you expect rain.
both,
cleanse you.

Nayyirah Waheed (via hellanne)
sincerelyhappines:

(via TumbleOn)

(Source : poeme-se)

(Source : poeme-se)

você não me responde,
eu como chocolate:
um dia a gente se invade. 

você não me responde,

eu como chocolate:

um dia a gente se invade.